Gestão de Pessoas


Ética - do discurso à prática


Por Rosmari Capra - Sales (representante de Ética da L'Oreal Brasil


Ser e ter uma atitude ética nos dias atuais também representa crescimento para os negócios, sobretudo em uma sociedade em que é o ser humano, e não a máquina, o fator decisivo. colocar em prática esta atitude, contudo, nem sempre deixa de ser um trabalho complexo. Este ano, reconhecida pela segunda vez como uma das empresas mais éticas do mundo pelo Instituto Ethisphere (*), a L' Oreal Brasil foi a primeira no País a criar um Programa de Ética, colocando aos seus colaboradores e ao mercado que este valor está presente em todos os níveis de seu negócio: desde o contato com cada funcionário, passando pela relação com os consumidores, até as negociações comerciais com os clientes e fornecedores.


"Estamos fazendo um trabalho para estimular o espírito ético entre os colaboradores e comunicar que este pode ser traduzido em cada gesto correto, transparente e íntegro que eles realizam em seu ambiente de trabalho; manter esta estrutura atualizada e sempre ativa é um grande desafio, principalmente em uma empresa que possui muitos funcionários com perfis diferenciados construindo sua carreira profissional", destaca Rosmari Capra- Sales, representante de Ética (nomeada para este cargo em 2009) e diretora de Planejamento Fiscal e Contabilidade da L' Oreal Brasil.


Por escrito


Segundo a executiva, um exemplo típico de observação da conduta ética que pode ajudar a eliminar eventuais problemas na comunicação interna na empresa é o da sempre polêmica questão da indicação de parentes e/ou amigos para um cargo na empresa. "Funcionários da L' Oreal podem recomendar parentes e/ou amigos. No entanto, para garantir a transparência e boa governança, é necessário que esta recomendação seja feita por escrito, evitando qualquer envolvimento no processo de decisão e qualquer ação que possa influenciar direta ou indiretamente neste processo", informa Rosmari.


A empresa acredita que a disseminação da Ética no ambiente corporativo e a colocação em prática de seu conceito são essenciais, pois cada funcionário possui uma idéia pré-determinada sobre o tema, de acordo com sua vivência, cultura e nível educacional.


Proativo


Rosmani acrescenta que o programa de Ética da L´Oreal é proativo e sustenta o crescimento do grupo com base em três pilares: respeito pelas pessoas, respeito pela lei e respeito pelos costumes locais. Em seu texto, o funcionário encontra diretrizes que passam por temas como segurança e qualidade do produto; representando a empresa, informação confidencial; saúde, proteção e segurança; assédio e comportamento agressivo; conflito de interesses; contribuição para a comunidade; consciência ambiental; o papel do gestor; impostos; concorrência leal; seleção de  igualdade de Tratamento de Fornecedores, entre outros.


Como as trocas de conhecimentos em um mundo globalizado são altamente enriquecedoras, a empresa criou ainda o Dia da Ética, quando acontece uma conversa aberta pela internet (webcast) entre Jean-Paul Agon, CEO do Grupo L"Oreal  e funcionários de todas as 130 filiais da emresa espalhadas pelo mundo. É o momento em que todos aproveitam a oportunidade para refletir e tirar dúvidas sobre o impacto de suas atitudes.


No Brasil, os colaboradores foram convidados a enviar suas perguntas antes e durante o evento, e os funcionários das Fábricas (Rio e São Paulo) tanbém participaram, ao incluírem suas dúvidas nas urnas disponíveis no RH, dias antes, para que as perguntas fossem traduzidas no dia.


Outra inciativa da L´Oreal para criar uma aproximação maior com a realidade do colaborador e  os conflitos éticos encontrados no dia a dia, foi a apresentação de uma peça teatral sobre assuntos envolvendo questões éticas delicadas e corriqueiras do cotidiano.


No Brasil o tema vem aos poucos sendo aprimorado e, sem dúvida, existem outras organizações nos mais diversos segmentos com exemplos a serem destacados pela coluna da ABRH-RJ.


(*) O Instituto Ethisphere (dedicado à reflexão sobre a criação e compartilhamento de melhores práticas em ética empresarial, direitos humanos, responsabilidade social corporativa, combate à corrupção e sustentabilidade) realizou avaliação World´s Most Ethical Companies (Empresas mais Éticas do Mundo) que teve  número recorde de indicações de empresas em mais de 100 países e 36 áreas.


Fonte: Jornal O Globo  Boa Chance/ Coluna da ABRH-RJ (Associação Brasileira de Recursos Humanos do Rio de Janeiro)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SOBRE A AMBIÇÃO DO AVANÇAR DO TEMPO E SUAS RESPOSTAS: UM TOQUE DE ARTE

CRIADOR E CRIATURA

DOE VIDA: DETALHES A QUEM SE INTERESSAR