JANEIRO BRANCO: MÊS DA SAÚDE MENTAL, SAÚDE MENTAL SEMPRE

Recebi este GIF via Whatsapp, espero que funcione na sua mídia
Falar de saúde mental é compreender que esta é, sem medo de ser audaciosa em minha posição, o território, o recurso natural, a tecnologia mais valiosa da existência que cabe ao ser humano explorar. Como ainda somos estrangeiros dentro de nós mesmos, apesar dos  importantes avanços que somos capazes de criar. 

As perspectivas de crescimento dos transtornos mentais e seus inegáveis danos à saúde e à produtividade por cada vez mais incapacitarem ao trabalho e ao desfrutar da vida, torna-se cada vez mais algo que não mais pode ser ignorado, daí a iniciativa de transformar o mês de Janeiro no mês da Saúde Mental -  JANEIRO BRANCO.

Em muitas ocasiões o PSICOLOGIA EM FOCO falou sobre o quanto se tornou insustentável manter a separação corpo e alma - O penso, logo existo de Descartes, somado a todos os pensadores que forjaram a estrutura e o funcionamento do Ocidente, tem se mostrado ineficaz ao longo dos anos para dar conta da comp…

Pelo fim da violência contra a pessoa idosa



 Todos os anos desde de 2006, no dia 15 de junho a atenção do mundo é voltada para os idosos, em especial para a violência que sofrem. Na data, por iniciativa da Organização da Nações Unidas (ONU) e da Rede Internacional de Prevenção à Violência da Pessoa Idosa, é celebrado o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa que tem o objetivo de mobilizar a sociedade quanto ao tema e quanto à necessidade urgente de se evitar tal desrespeito.

A Psicologia atualmente trabalha integrando o tema do idoso a outras discussões, como as de saúde e de políticas públicas. Alem disso reconhece a importância de a sociedade adquirir consciência acerca do tema. Mariana Cunha, conselheira do CFP, sustenta que "a Psicologia tem a proposta de inserir a questão do idoso em todas as discussões que vem mantendo.A prioridade é promover a tranversalidade com outros temas".

Telefone para denúncias contra maus tratos aos idosos: Disque 100, ramal 2 (Serviço da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República).

Fonte: Jornal de Conselho Federal de Psicologia p.17 (julho/2011).
Para saber mais: http://www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/infantil/direitosdoidoso.htm

Comentários