posts

GOSTOU? DIVULGUE CLICANDO NO TÍTULO!

sábado, 21 de janeiro de 2017

ESTAR NO CONTROLE: VOZ ATIVA E PASSIVA. GOTAS



O controle não é permanentemente controlável.

Regina Bomfim

sábado, 14 de janeiro de 2017

POESIA: OS "FANTASMAS" DE NOSSAS NOITES INSONES



O morcego

Meia-noite. Ao meu quarto me recolho. 
Meu Deus! E este morcego! E, agora, vede: 
Na bruta ardência orgânica da sede, 
Morde-me a goela igneo e escaldante molho.

"Vou mandar levantar outra parede..."
— Digo. Ergo-me a tremer. Fecho o ferrolho
E olho o teto. E vejo-o ainda, igual a um olho,
Circularmente sobre a minha rede!

Pego de um pau. Esforços faço. Chego
A tocá-lo. Minh'alma se concentra.
Que ventre produziu tão feio parto?!

A Consciência Humana é este morcego!
Por mais que a gente faça, à noite, ele entra
Imperceptivelmente em nosso quarto!

 ANJOS, A. Eu e Outras Poesias. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1998.

domingo, 8 de janeiro de 2017

O SIGNIFICADO DA EXISTÊNCIA: ONTEM. E HOJE?



"É muito comum as pessoas interrogarem a respeito do significado das suas existências, tão acostumadas estiveram por múltiplas gerações a lhe serem imposto o mesmo. 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...