segunda-feira, 21 de maio de 2018

BICHOS E RAÍZES URBANAS: QUANDO A VIDA INSISTE





Impossível fotografar. Pelo menos para a minha pouca habilidade. Num destes longos feriados, pude observar no fim da tarde uma alegre e sonora revoada de pássaros. São novos sons de um grupo diferente, trazendo um som como de papagaios. São verdes - Brasil me parecem um pouco menores do que os famosos pássaros domésticos que viraram até desenho da Disney.


segunda-feira, 14 de maio de 2018

QUANDO 2+2 PODE SER OUTRO VALOR



Independente do que pode ter acontecido em sua vida, é possível construir um novo caminho. Ressaltando o fato de pessoas com problemas psicológicos por disfunções orgânicas. Neste caso, um diagnóstico correto pode conduzir a outras condutas como o uso de medicamentos e outros procedimentos complementares, mas mesmo neste caso podem haver medidas paliativas capazes de dar algumas qualidade de vida ao indivíduo. A visão multiprofissional cada vez mais é utilizada para a eficiência de um tratamento. 

Tirando estes casos, viver algo difícil não significa ter um destino. 

Regina Bomfim

segunda-feira, 7 de maio de 2018

SOBRE MATAR O SEU BUDA



O mestre budista do séc IX, Lin Chi,  supostamente disse: 'se encontrares o Buda na estrada, mata-o. Há pessoas que se sentem mais seguras quando tem alguém a quem reportar quando precisa, há outras que gostam de ouvir outros pontos de vista para tomar em seguida as suas decisões e há aqueles que não ouvem ninguém, assumindo todos os riscos. São apenas modos de se relacionar com as experiências que podem mudar ou não em algum momento. Tudo bem. Me identifico com este tipo de pensamento que gostaria de compartilhar:

segunda-feira, 30 de abril de 2018

QUANDO AS COISAS DÃO ERRADO




Querido leitor, como deve perceber, aconteceram modificações no layout do blog. Comecei a me decepcionar com os limites impostos à inovações e uma insatisfação template (modelo, tema) não cumprir aquilo que se propôs a proporcionar, foi me frustrando, apesar de ser um layout lindo, apresentava erros.

segunda-feira, 23 de abril de 2018

PSICOLOGIA E CONSUMO



Consumir de modo consciente é produzir menos lixo. É também cuidar da Natureza e por conseguinte, buscar uma maior transparência dos produtores de vários segmentos e órgãos reguladores sobre composições, possíveis danos à saúde e ao ambiente. Importa pensar no mundo que queremos deixar. O que de fato, é útil? Uma pergunta que cabe a cada um responder.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...